Rádio Renascença - 15 Out 07

Opinião RR

Discriminação
Raquel Abecasis

O Governo penaliza os pais casados, tal como penaliza os cidadãos que fumam e os que bebem.

Mais uma vez, no próximo ano os pais casados e viúvos vão ser descriminados em matéria de impostos em relação aos pais divorciados.

A proposta, já conhecida, de orçamento para 2008 não corrige a desigualdade que há anos persiste e que privilegia as famílias desintegradas. Quererá isto dizer que o Governo quer incentivar a desintegração das famílias tradicionais, concedendo-lhes benefícios fiscais?

Se não é, parece, porque este ano o ministro não se pode desculpar com o desconhecimento da situação nem se deve esquecer que ele próprio prometeu por diversas vezes corrigir estas desigualdades.

Conhecido o orçamento, verifica-se que não o fez. Os pais casados e viúvos puseram uma petição a correr contra esta descriminação. Apesar de tudo, consideram que o seu estado civil não é prejudicial ao país.

O Governo, pelos vistos, pensa o contrário e penaliza estes pais, tal como os que fumam e os que bebem.

ouvir a noticia