Portugal Diário - 02 Out 06

Matemática: portugueses medalhados

 

Três alunos conseguiram o terceiro lugar nas Olimpíadas Ibero-Americanas

Três alunos portugueses conquistaram medalhas de bronze nas Olimpíadas Ibero-Americanas de Matemática, que terminaram sábado no Equador, noticia a agência Lusa. Este resultado repete o êxito alcançado nas Olimpíadas Internacionais da disciplina, que decorreram em Julho, na Eslovénia.

Afonso Bandeira, aluno do 12º ano da Escola Secundária de São Pedro do Sul, e João Guerreiro, que frequenta o 11º ano no Colégio Valssasina, em Lisboa, obtiveram 28 pontos, ficando apenas a um ponto de conquistar medalhas de prata.

João Pedro Matias, estudante do 11º ano da Escola Secundária José Gomes Ferreira, em Lisboa, obteve 20 pontos, uma classificação que lhe permitiu conquistar igualmente uma medalha de bronze na competição, que decorreu entre 23 e 30 de Setembro.

Além das três medalhas, Portugal foi ainda distinguido com uma menção honrosa, atribuída ao aluno Filipe Valeriano, da Escola Básica do 2º e 3º ciclos Dr. João Brito Camacho, em Almodôvar.

De acordo com um comunicado da Sociedade Portuguesa de Matemática (SPM), que organiza a participação das equipas nacionais nestas competições, Portugal tinha já conquistado três medalhas de bronze no mês de Julho, nas Olimpíadas Internacionais, duas das quais atribuídas a Afonso Bandeira e João Guerreiro, alunos que agora repetiram a distinção.

A SPM organiza também as Olimpíadas Portuguesas de Matemática, que este ano comemoram 25 anos, uma competição destinada a escolher os alunos que representam o país nas provas internacionais e cujas inscrições estão abertas até ao dia 25 de Outubro.

No próximo ano, as Olimpíadas Ibero-Americanas vão decorrer, pela primeira vez, em Portugal, estando marcadas para Setembro, em Coimbra.

Além do êxito alcançado nas provas internacionais de Matemática, os alunos portugueses distinguiram-se igualmente nas Olimpíadas Ibero-Americanas de Física, que se realizaram em Coimbra no mês passado, tendo conquistado uma medalha de ouro, uma de prata e duas de bronze.

Com as quatro medalhas obtidas nessa competição, em que participaram estudantes de 17 países, a equipa portuguesa alcançou a melhor prestação global de sempre.