Portugal Diário - 05 Nov 07

Violência na TV triplica agressividade infantil

E manifesta-se mais tarde, entre os sete e os dez anos, com efeitos na adolescência

As crianças que assistem a programas de televisão violentos têm muito mais probabilidades de serem agressivos durante a infância e a adolescência, segundo um estudo do Instituto de Investigação do Hospital de Crianças de Seattle, divulgado esta segunda-feira.

O estudo em causa especifica que, por cada hora de televisão violenta, as crianças triplicam as possibilidades de desenvolver comportamentos violentos.

A investigação, que foi realizada com 330 crianças, com idades entre os dois e os cinco anos, mostrou também que as meninas que assistiram aos mesmos programas não desenvolveram qualquer tipo de comportamento violento.

«Os rapazes não sabem distinguir entre a fantasia e a realidade e os desenhos animados ensinam-lhes que a violência é divertida», explicou à Reuters Dimitri Christakis, autor do estudo.

A agressividade, que fica gravada sobretudo nos mais pequenos, desenvolve-se mais tarde, entre os sete e os dez anos, com repercussões na adolescência.