Portugal Diário - 12 Mai 08

 

Bullying: linha telefónica para maus tratos na escola

 

O número ninguém sabe ao certo, mas estima-se que milhares de alunos sejam vítimas das mais diversas formas de bullying -termo que significa provocação ou vitimação - nas escolas portuguesas.

 

A partir desta segunda-feira, uma linha telefónica estará em funcionamento os ouvir e lhes prestar a ajuda necessária e de forma confidencial. Trata-se do número 808 968 888.

 

A nova linha de atendimento estará em funcionamento até ao final do ano lectivo, diariamente, entre as 18 e as 20 horas. Os problemas dos alunos serão expostos a técnicos especializados.

 

Dependendo da gravidade do problema, os casos serão encaminhados psicólogos, psicopedagogos ou mediadores de conflitos. O apoio será sempre dado através da linha e não em forma presencial.

De acordo com relatórios da UNESCO, entre 25 a 50 por cento de toda a classe estudantil está a ser vítima de bullying, definido como o comportamento agressivo e intencional de alunos mais velhos, fortes ou populares sobre colegas mais novos e com menos popularidade, vítimas de rejeição social, insultos diários e até maus-tratos físicos.