Rádio Clube Português - 26 Jun 08

 

Subsídio da maternidade

 

O presidente da Segurança Social, Edmundo Martinho, diz que existem já mulheres em Portugal, que pedem subsídio de maternidade e depois interrompem voluntariamente a gravidez. Por isso, o Governo decidiu que as mulheres desempregadas, ou com dificuldades económicas, que interrompam voluntariamente a gravidez têm por lei direito ao subsídio da maternidade.

Declarações de Fernando Castro, presidente da APFN.

 

ouvir a notícia