Público - 21 Dez 05

Menos 290 mil alunos desde 1995

 

Nos últimos dez anos, o sistema de ensino básico e secundário perdeu praticamente 290 mil alunos, indicam os dados mais recentes apurados pelo Gabinete de Informação e Avaliação do Sistema Educativo (GIASE).
A maior redução ocorreu no básico. Mas mesmo no ensino secundário - onde, independentemente da diminuição da taxa de natalidade, havia manobra de crescimento se fossem melhorados os níveis de abandono escolar precoce -, registou-se uma quebra muito significativa de alunos. Ao todo, no ano lectivo em curso, inscreveram-se nas escolas com este nível de ensino um milhão e 402 mil jovens.
Juntam-se a estes 246 mil crianças que estão em jardins de infância, o que perfaz um sistema de ensino não superior com um total de um milhão e 650 mil alunos. A grande maioria (81,7 por cento) encontra-se no sistema público.
Já o número de professores tem crescido em todos os ciclos de estudo, com excepção do 1.º ciclo do básico (antiga primária): existem 160.531 em exercício, mais 22 mil do que em 1995/1996.
A maior fatia encontra-se no 3.º ciclo do básico e do ensino secundário (contam com quase 80 mil docentes), mas o maior crescimento relativo deu-se entre os educadores de infância, acompanhando assim a expansão do pré-escolar. A este nível, a taxa de escolarização continua a aumentar - cresceu cinco por cento em relação a 2004/2005 - e cifra-se agora nos 77 por cento para o conjunto das crianças entre os 3 e os 5 anos. Em 1985/86, ainda não chegava aos 30 por cento.
Esta é uma das apostas da equipa governativa, que quer alargar progressivamente a todas as crianças a frequência do pré-escolar. Ao nível dos cinco anos, a taxa já se encontra nos 94 por cento.
Os dados do GIASE põem ainda em evidência a evolução registada no apetrechamento das escolas: por cada 15 alunos existe um computador com ligação à Internet; em 2001/2002 a relação era de 39 por aparelho.
Sobre a dimensão dos estabelecimentos de ensino, constata-se que neste ano lectivo 2034 escolas públicas têm menos de 10 alunos matriculados (14 por cento de um total de 14.230). E 638 contam com menos de cinco estudantes. Isabel Leiria

WB00789_.gif (161 bytes)